Blog do Nilson Xavier

Atriz Ana Cecília Costa é destaque em “Joia Rara”

Nilson Xavier

11/12/2013 11h10

Thiago Lacerda e Ana Cecília Costa em cena de "Joia Rara" (Foto: Divulgação/TV Globo)

Thiago Lacerda e Ana Cecília Costa em cena de “Joia Rara” (Foto: Divulgação/TV Globo)

A novela das seis da Globo, “Joia Rara”, ganha novo fôlego com o retorno de Gaia, personagem vivida por Ana Cecília Costa, que passou dez anos confinada em um campo de concentração e foi dada como morta. Na ausência dela, depois de tanto tempo, seu amado Toni (Thiago Lacerda) apaixonou-se e casou-se novamente, com Hilda Hauser (Luiza Valdetaro). Gaia aparece do nada, viva, para o espanto de todos. O conflito está formado. Assim, “Joia Rara” ganha um novo foco de interesse, pois a união de Toni e Hilda já estava selada e o casal vivia feliz. Este entrecho remete ao filme “O Náufrago” (de 2001), em que Tom Hanks, dado como morto, reencontra a mulher estabilizada em novo casamento.

Em sequências bem dirigidas, a atriz Ana Cecília Costa destacou-se com sua personagem, em momentos emocionantes, de grande força dramática. Ana Cecília é conhecida de outros tantos trabalhos, desde os tempos da TV Manchete (“Tocaia Grande”, “Xica da Silva”), também com passagem pela Record, Globo e SBT. Desta vez, a atriz chamou a atenção em cenas bonitas e intensas, divididas com Thiago Lacerda e Luiza Valdetaro.

Joia Rara” estava precisando mesmo de um novo drama. A novela estagnou no toma-lá-dá-cá do trio Ernest, Iolanda e Mundo (José de Abreu, Carolina Dieckmann e Domingos Montagner), que dá voltas sem sair do lugar, enquanto os protagonistas Franz, Amélia e Pérola (Bruno Gagliasso, Bianca Bin e Mel Maia) parecem sem trama dentro da novela. Também é o momento em que as autoras Thelma Guedes e Duca Rachid revezam o destaque entre os vilões Manfred e Silvia (Carmo Dalla Vecchia e Nathalia Dill). Enquanto cozinham Silvia em banho-maria, dão novo impulso a Manfred. Aliás, Carmo precisa parar de exagerar nas caras e bocas de seu personagem. Falta de sutileza na dramaturgia pode ser um pecado mortal.

Sobre o autor

Nilson Xavier é catarinense e mora em São Paulo. Desde pequeno, um fã de televisão: aos 10 anos já catalogava de forma sistemática tudo o que assistia, inclusive as novelas. Pesquisar elencos e curiosidades sobre esse universo tornou-se um hobby. Com a Internet, seus registros novelísticos migraram para a rede: em 2000 lançou o site Teledramaturgia (http://www.teledramaturgia.com.br/), cujo sucesso o levou a publicar o Almanaque da Telenovela Brasileira, em 2007.

Sobre o blog

Um espaço para análise e reflexão sobre a produção dramatúrgica em nossa TV. Seja com a seriedade que o tema exige, ou com uma pitada de humor e deboche, o que também leva à reflexão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Blog do Nilson Xavier
Topo