Topo
Blog do Nilson Xavier

Blog do Nilson Xavier

Briga de Marquezine e Marina na novela das 7 alimenta rivalidade entre fãs?

Nilson Xavier

07/06/2018 21h13

Bruna Marquezine e Marina Ruy Barbosa (foto: Artur Meninea/TV Globo)

A novela "Deus Salve o Rei" exibiu no capítulo desta quinta-feira (07/06) uma briga entre as antagonistas Amália (Marina Ruy Barbosa) e Catarina (Bruna Marquezine). Cansada das armações e do veneno da dissimulada Catarina, Amália perdeu a cabeça e partiu para cima da rival. A catarse é genuína: sempre funciona como entrecho de telenovela e satisfaz o público – que, aqui, há tempos ansiava por uma reação da plebeia contra a princesa megera.

Neste caso, em particular, a catarse vai além: é uma ótima munição para a rivalidade declarada entre os fandons das duas atrizes – Marina já usou as redes sociais para desmentir a suposta inimizade com a colega de elenco e pedir paz entre fãs, que ficam na disputa para provar quem é a melhor. Seria Marina x Bruna uma versão moderna de Emilinha x Marlene, cuja rivalidade acontecia apenas na cabeça dos fãs mais… fanáticos? (não resisti à redundância!)

A questão é a mesma: a rivalidade não é entre as artistas, mas entre seus fãs. E "Deus Salve o Rei" ainda tira bom proveito disso. Fomenta os fandons com a trama de inimizade entre as personagens das atrizes, o que é revertido em audiência e repercussão para a novela. Sempre me pareceu que esta seria uma novela feita sob medida para os fandons.

Siga no Facebook – Twitter – Instagram

Sobre o autor

Nilson Xavier é catarinense e mora em São Paulo. Desde pequeno, um fã de televisão: aos 10 anos já catalogava de forma sistemática tudo o que assistia, inclusive as novelas. Pesquisar elencos e curiosidades sobre esse universo tornou-se um hobby. Com a Internet, seus registros novelísticos migraram para a rede: em 2000 lançou o site Teledramaturgia (http://www.teledramaturgia.com.br/), cujo sucesso o levou a publicar o Almanaque da Telenovela Brasileira, em 2007.

Sobre o blog

Um espaço para análise e reflexão sobre a produção dramatúrgica em nossa TV. Seja com a seriedade que o tema exige, ou com uma pitada de humor e deboche, o que também leva à reflexão.